Infantil

Adam

Meu pequeno Adam! 

Com você aprendi, descobri e herdei...


Herdei uma dose absurda de paciência e "desnojo"...

Desnojo de côco, xixi e de muita baba em mim.

Paciência para entender que um café da manhã simples, como frutas com granolas, pode não acontecer mesmo que eu leve uma manhã inteira tentando fazê-lo.

Herdei algumas varizes, muitas olheiras, gordura localizada e dores nas costas...

Aprendi a suportar longas horas de sono acordada e continuar com a mesma disposição, por dias.

Descobri que podia fazer milhares de coisas com uma só mão e até mesmo com os pés.

Aprendi que a maquiagem nem é assim tão necessária e que meu cabelo pode esperar até uma semana sem ser lavado.

Descobri que posso comer massa sem queijo, aliás... Que consigo ficar sem qualquer proteína animal para que você tenha dias melhores.

Aprendi que posso suportar mais de uma semana sem sair de dentro de casa...

Descobri que o sorriso mais lindo que já vi veio de uma boca desdentada...

Aprendi que quando você chora consigo passar segurança e tranquilidade enquanto o meu peito grita.

Descobri que não consigo ficar longe de você por nenhum minuto sem sentir a maior ansiedade e preocupação do mundo.

Herdei medo de morrer, medo de trânsito e um medo de perder insuportável.

Aprendi a amar incondicionalmente e compreendi um pouquinho mais do amor de Deus por mim...

Descobri que horas e dias não tem muita diferença quando você depende 24h da mamãe ...

E por fim, porque eu poderia escrever um livro...

Aprendi a reconhecer, a agradecer e a apreciar as pequenas coisas e assim descobri que não preciso de muito pra ser feliz.