Imagem capa - Coisa de Mãe por Andreia Dalpasquale
Mães e filhos

Coisa de Mãe

O projeto "Coisa de Mãe" trata do drama que atinge quase todas as mulheres que cuidam sozinhas de seus filhos pequenos, especialmente nos primeiros dois meses de vida, chamado e interpretado pela Escritora Rafaela Carvalho como: "Dias de Neblina", referindo-se àqueles dias em que o bebê e a mãe tentam se adaptar e compreender um ao outro e a nova vida.

Lembro-me que nas primeiras semanas, eu e meu marido passávamos um pelo outro parecendo zumbis. Eram noites em claro, choros, novas dores, a casa totalmente bagunçada, e quando conversávamos o assunto era sempre o mesmo: atender a necessidade do bebê. Não nos reconhecíamos mais... Fez sentido a frase da Dra Kelly Marques Oliveira, quando diz que "tudo o que você era antes do bebê nascer morre no parto". E quando finalmente dormíamos, ao acordar, o primeiro segundo era como se tudo não passasse de um pesadelo que havia acabado... Mas não! Não havia como fugir! E a sensação era a de que aquele sentimento de angústia constante jamais  acabaria!

Eu não sei vocês, mas esta foi a minha experiência... E menciono “FOI” porque descobri que sim, ela passa! Ainda estamos passando por ela na verdade, mas a angústia já é bem menor, e talvez um dos pontos seja porque passei a viver os dias sem me cobrar tanto.

O projeto conta com ilustrações fotográficas artísticas do gênero tragicomédia.

Algumas mães, principalmente as de primeira viajem e que não tem quem as ajude, talvez consigam ver somente a tragédia que envolve estes dias de neblina, mas outras, buscam olhar de uma forma mais leve e descontraída, evitando assim, que o período Baby Blues transforme-se em Depressão Pós-Parto.

As imagens demonstram o meu dia a dia com o meu filho, que atualmente está em seu terceiro mês de vida.

Respeito a todas as mães que pensam e agem diferente de mim, mas escolhi responder ao chamado de meu bebê, sempre que expressou alguma necessidade, pelo menos neste período, também chamado por especialistas de Exterogestação.

Eu, sou Andréia Dalpasquale - Artista plástica e Fotógrafa.

Convido a todos para contemplar e refletir um pouco sobre as "coisas" que só as mães entendem.




E você, mãe? Se identificou? Qual é a sua história? Deixa nos comentários...